Perdoar: Um ato de amor

O cristão mais se assemelha com Deus quando exercita o perdão. E Paulo dá muita ênfase no perdão entre os irmãos (Cl 3.13 e Ef 4.32).

Paulo faz um pedido para Filemom: Pois bem, ainda que eu sinta plena liberdade em Cristo para te ordenar o que convém, prefiro, todavia, solicitar em n-ome do amor, sendo o que sou, Paulo, o velho e, agora, até prisioneiro de Cristo Jesus (Fm 8-9). Ele está consciente da sua autoridade, mas abre mão dessa prerrogativa, e pede em nome do amor. E o que significava o amor para Paulo? (1) O amor é uma dívida impagável – Rm 13.8. (2) O cumprimento da lei é o amor – Rm 13.9-10. (3) O amor é o fruto do Espírito Santo – Gl 5.22-23. (4) O amor é o dom perfeito e eterno – 1Co13. (5) O amor é a motivação para o serviço – 2Co 4.5 e 5.14-15. ( 6) O amor se revela pela abnegação em servir aos irmãos (1Ts 3.2; 4.9-10).

Aqui em Filemom, o amor se expressa pelo perdão. Paulo pede a Filemom que perdoe a Onésimo: Sim, solicito-te em favor do meu filho Onésimo, que gerei entre algemas (Fm 10).

Paulo reconhece que, antes de sua conversão, Onésimo tinha dado prejuízo a Filemom, provavelmente, roubando-lhe e fugindo para Roma: Ele, antes, te foi inútil (Fm 11).

Agora, porém, ele havia se convertido, e era útil: atualmente, porém, é útil a ti e a mim(Fm 11). Paulo, então, pede que Onésimo seja perdoado e recebido por Filemom.

Paulo usa os seguintes argumentos para Filemom perdoar a Onésimo:

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque você é um cristão (Fm 4-7).

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque tudo que aconteceu faz parte do plano de Deus (Fm 15)

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque agora ele é seu irmão na fé (Fm 16).

Você deve perdoar e aceitar Onésimo como se estivesse recebendo a mim (Fm 17)

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque estou disposto a pagar qualquer prejuízo que ele te deu (Fm 18).

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque assim como ele é meu filho na fé, você também é (Fm 19).

Você deve perdoar e aceitar Onésimo para que a sua atitude reanime o meu coração (Fm 20).

Você deve perdoar e aceitar Onésimo porque eu sei da sua obediência e da sua grande generosidade (Fm 21).

Meu irmão, talvez você esteja chateado e triste com alguém que lhe ofendeu ou lhe deu algum prejuízo. Você tem motivo de sobras para justificar a raiva que você está sentido. Você de fato é a vítima. Lembre-se, porém, que você é um cristão e tem sido alvo do infinito perdão de Deus.

E Ele pede que você ame e perdoe esta pessoa que lhe prejudicou. Precisamos perdoar aqueles que nos devem. O perdão nos faz semelhantes a Deus.

www.ippinheiros.org.br

Compartilhe a BençãoEmail this to someoneShare on Google+Print this pageTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

Comentários

comments

Contribua com sua opinião