A renovação vem de Deus

Introdução

Lemos a poucos dias no boletim, uma reflexão sobre renovação, em que foi citado a auto-renovação da águia.

Chega a viver 70 anos, mas aos 40, precisa passar por uma renovação, que dependerá de uma difícil e dolorida decisão: Por causa das unhas que se tornaram flexíveis; do bico, que encurvou; e de suas penas que de tão grossas que ficaram, não consegue mais voar como antes.

Para este processo, ela voa bem alto, encontra um local seguro, onde ficará por cinco meses e bate com o bico no paredão até arrancá-lo, depois arranca as unhas, e finalmente tira suas velhas penas…Após 150 dias, sai para o famoso vôo da liberdade.

No texto que lemos, vimos que o ser humano não possui auto-renovação, senão, os que esperam no senhor, renovam suas forças…

Os termos derivados dessa palavra é tornar novo, recente, mudar ou modificar para melhor…Pode ser usado no sentido de “reparar”, “consertar” ou reconstruir, referindo-se as cidades, ao Templo, e ao altar, ou sendo usado figurativamente, ex.:

Sob a liderança de Samuel, o reino foi renovado em Gilgal (1Sm 11.14)…O rei Davi buscava um espírito correto, equivalente a um coração limpo, renovado dentro de si (Sl 51.10)…O profeta Jeremias, suplicou por renovação (Lm 5.21)…O Salmista diz que Deus renova a face do solo concedendo nova vida (Sl 104.30)…O mesmo salmista diz que Deus renova o vigor do Homem (Sl 103.5). (Dic. Inter. De Teologia)

Este adjetivo, também qualifica uma variedade de objetos físicos: casa, esposa(o), espada, vaso, Etc.…

Olhando para o texto que lemos, podemos perceber que o momento que atravessava a nação era de urgência em restauração, e a vontade de Deus em renova-la, daí podemos concluir que Deus quer nos renovar, ou seja, tornar-nos novos, mudar-nos para melhor…Só que esta renovação que precisamos, não acontece em nós mesmos, mas vem do alto, vem de Deus.

Só a renovação que vem do alto, que vem de Deus, pode nos fazer novo, mudar para melhor…Pode Deus nos renovar? Além de poder, Deus tem prazer em renovar todas as coisas, inclusive nossa vida…Como Deus nos renova?…Como posso saber que Deus me renova?

SUA MISERICÓRDIA

Posso saber que Deus me renova, a partir da certeza de que Ele renova a sua misericórdia para conosco…

O profeta Jeremias diz que “As misericórdias do SENHOR são a causa de não sermos consumidos, porque as suas misericórdias não têm fim; renovam-se cada manhã. Grande é a tua fidelidade. (Lm 3.22,23)

Depois de lamentar pela dificuldade em que seu povo vive e se encontra, Depois de chorar pelas desventuranças de sua gente, castigada pelos seus pecados, ele traz a memória o que pode dar esperança… e o que pode dar esperança, é que Deus é longânimo e misericordioso.

Ele diz: A minha porção é o SENHOR, diz a minha alma; portanto, esperarei nele. Bom é o SENHOR para os que esperam por ele, para a alma que o busca. (Lm 3.24,25)

Jeremias, assim como Isaias, esta dizendo que os que esperam em Deus, verão suas forças renovadas, pois Deus não nos trata segundo o tratamos…A sua misericórdia é que faz a diferença.

Quantos tem se relacionado com Deus de forma temerosa, medrosa, inquieta, com medo de Deus…Acheguemo-nos a ele é ele se chegará a nós… O que adiantaria alguém possuir tudo e não alcançar a misericórdia de Deus?

SUA ALIANÇA

Posso saber que Deus me renova, não apenas pela renovação da Sua misericórdia, mas também pela renovação da Sua Aliança com seu povo…Suas promessas jamais envelhecem, sendo assim, a cada dia com Deus, eu vivo uma aliança renovada.

O profeta Jeremias, mostra para nós que o a nova aliança será oposta a antiga: “Eis aí vêm dias, diz o SENHOR, em que firmarei nova aliança com a casa de Israel e com a casa de Judá. Não conforme a aliança que fiz com seus pais, no dia em que os tomei pela mão, para os tirar da terra do Egito; porquanto eles anularam a minha aliança, não obstante eu os haver desposado, diz o SENHOR.…Porque esta é a aliança que firmarei com a casa de Israel, depois daqueles dias, diz o SENHOR: Na mente, lhes imprimirei as minhas leis, também no coração lhas inscreverei; eu serei o seu Deus, e eles serão o meu povo”. (Jer. 31.31-33)

Deus iria fazer uma aliança duradoura, algo escrito no coração, não mais uma imposição de fora para dentro, e sim executável de dentro para fora…Seria uma comunhão impregnada de conhecimento e reverência.…Moisés era o meio de uma aliança externa; Jeremias, o proclamador de uma aliança interna; Jesus, seria o criador da Aliança eterna.

Vemos aí, a mais bonita ação da graça soberana de Deus, através de uma aliança profunda de perdão de pecados…Uma aliança que não pode ser quebrada, pois é mediada por meio de Cristo através da sua morte e ressurreição:

Hebreus 9.12-15: “não por meio de sangue de bodes e de bezerros, mas pelo seu próprio sangue, entrou no Santo dos Santos, uma vez por todas, tendo obtido eterna redenção. Portanto, se o sangue de bodes e de touros e a cinza de uma novilha, aspergidos sobre os contaminados, os santificam, quanto à purificação da carne, muito mais o sangue de Cristo, que, pelo Espírito eterno, a si mesmo se ofereceu sem mácula a Deus, purificará a nossa consciência de obras mortas, para servirmos ao Deus vivo! Por isso mesmo, ele é o Mediador da nova aliança, a fim de que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia sob a primeira aliança, recebam a promessa da eterna herança aqueles que têm sido chamados.

Na nova aliança, temos a mais bela das confirmações de que Deus não nos desampara, mesmo que tenha sido preciso seu filho morrer por nós…Esta verdade, deve nos impulsionar a uma vida de mais compromisso e maior liberdade de espírito diante de Deus.…Com a restauração desta aliança, temos nosso futuro renovado em Deus, fazendo-nos novo para Ele.…O que adiantaria eu possuir tudo e não me apropriar dessa graça?…Nesta esperança, posso renovar minhas forças e alcançar os céus, pois é uma renovação que vem de Deus, que vem do céu em nossa direção.



NOSSO INTERIOR

Posso saber que Deus me renova, porque Ele invade minha vida… é o céu vindo de encontro com cada um de nós. É uma renovação completa, de dentro para fora.…Além dele renovar sua misericórdia, renova sua aliança e me agracia com a salvação, depois, transforma todo meu ser, fazendo-me uma nova pessoa, uma pessoa melhor.

O profeta Ezequiel, registrou sobre a restauração de Israel, que Deus renovaria o interior do seu povo: “Dar-vos-ei coração novo e porei dentro de vós espírito novo; tirarei de vós o coração de pedra e vos darei coração de carne. Porei dentro de vós o meu Espírito e farei que andeis nos meus estatutos, guardeis os meus juízos e os observeis. (Ez 36.26,27).

Com isso vemos que ao invés de termos um coração de pedra, insensível, incapaz de amar, e de responder com obediência a Deus, receberíamos um coração novo e um espírito novo… Devemos notar que esta renovação vem como iniciativa divina e não realização humana…Se olharmos para o vs 22, vemos Deus esclarecendo…Não é por amor de vós que eu faço isto, ó casa de Israel, mas pelo meu santo nome…”.

O novo espírito seria o Espírito de Deus que transformaria aqueles em quem ele fosse habitar, capacitando-os a obedecer à lei de Deus… Paulo aos Romanos diz que “servimos em novidade de espírito e não na caducidade da letra.”…

Quando afirmamos que Deus renova dentro de nós um novo espírito, confirma as próprias escrituras dizendo:

2Co 4.16,18: “Por isso, não desanimamos; pelo contrário, mesmo que o nosso homem exterior se corrompa, contudo, o nosso homem interior se renova de dia em dia…””

Se quisermos resistir as dificuldades que nossos dias nos submetem, precisamos nos renovar… Mas nossa renovação não parte de nós mesmos, não possuímos auto-renovação… A renovação que precisamos, só é possível em Deus. Ele sempre tem algo novo para nós. A água que ele nos oferece é abundante, e o pão é a própria vida. A renovação é completa, quando tenho consciência de que Deus é para mim a maior esperança.

Conclusão

Para terminar, quero lembrar um texto que nos ensina muito a respeito de querer renovar.…O que buscamos em Deus para renovar? Será que as vezes não queremos renovar apenas o que é passageiro?

Salmos 51:10 Cria em mim, ó Deus, um coração puro e renova dentro de mim um espírito inabalável.…Com esta busca, alcançaremos a plenitude da renovação, e estaremos aptos e de forças renovadas para subir com asas como águias, correr e não se cansar, caminhar e não se fatigar”.

O processo de renovação que Deus nos dá, não é dolorido, nem traumático como a da águia…Ele cria perspectivas novas para nós…Ele pensa e age em função de cada um de nós…O que mais precisamos hoje de Deus? Será que não precisamos como o salmista, buscar Deus para renovar antes de tudo, nossa comunhão com Ele?

Que Deus nos abençoe

Compartilhe a BençãoEmail this to someoneShare on Google+Print this pageTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

Comentários no Facebook