-A palavra deste texto nos mostra a maneira poderosa, gloriosa e misericordiosa como DEUS opera na vida do seu povo…..

-Os reis de Israel, Judá e Edom, após ouvirem as notícias de que os Moabitas, que eram criadores de gado, fazendeiros poderosos, haviam se revoltado contra a nação de Israel e, pretendiam iniciar uma guerra, na intenção de promover uma retaliação por ter sido obrigados a pagar impostos à Israel por tantos anos…

- … então estes reis formaram uma coalisão, se tornaram aliados (isso não tem nada haver com os nossos dias…) e, precipitadamente, sem sequer consultarem ao SENHOR, saíram para tentar vencer a guerra, apoiados tão somente nas forças humanas que possuíam.

-E, em dado momento da batalha, quando se encontravam encurralados, tendo perdido completamente o controle da situação e estando desesperados, começaram a profetizar entre si, dizendo que DEUS os levara até ali para que fossem mortos e entregues nas mãos dos Moabitas.

-Ou seja, o medo havia tomado conta deles de tal modo que, manipulados por este sentimento maligno, estavam afirmando que aquela era mesmo a vontade de Deus para suas vidas! … Isso nos faz lembrar o texto de Jeremias 17:9 – “Quem pode entender o coração humano? Nada há que engane tanto como ele…”

-Meus amados irmãos e amigos, em nossos dias muitas pessoas tomam exatamente a mesma atitude daqueles reis, quando declaram que estão passando por dificuldades, sejam na área espiritual, profissional, sentimental ou qualquer outra, e dizem: “há!.. esta é a vontade de Deus para mim!”

-Vamos abrir um parêntese aqui: Eu fico indignado, revoltado ao ver tantos picaretas nos dias de hoje, que em nome de Deus estão “profetizando” absurdos na vida de crentes e igrejas…. Mais revoltado ainda, porque “tá assim de gente” procurando esses profetas….
-…E depois a profecia não acontece ou é falsa, a gente encontra um montão dessas pessoas deprimidas, céticas, não acreditando em mais nada…. A impressão que tenho é que essas pessoas estão dizendo: “Me engana que eu gosto!”, ou seja, onde tiver profecia, gente caindo, o fogo descendo, pozinho de ouro…. é lá que eu quero estar! -(Fecha o parêntese)

-Até porque se de fato temos convicção do plano de Deus em nossa vida, precisamos e devemos andar em espírito, a fim de que possamos discernir a vontade de Deus, que é boa, perfeita e agradável…, diz a Bíblia!

-… porque assim, não vamos cair nas ciladas de Satanás, que fazem alguns profetizar sentenças de autodestruição em razão de atitudes impensadas, tentando resolver os problemas da vida na base da utopia e do mito. Ou somos guiados pelo Espírito de Deus, ou não somos! ….Não existe meio termo!

-Aqueles reis que haviam caído em suas próprias inconseqüências, foram informados de que entre eles haviam um profeta de DEUS. (…esse sim era de DEUS!). E, com uma certa arrogância, mandaram chamar o Profeta de Deus, mas já foram logo dizendo para ele: “Olha, profetiza o que DEUS quer das nossas vidas, mas na verdade, ELE nos mandou aqui para morrer mesmo…”

-Fico pensando que é exatamente assim que muitas pessoas pedem oração: “Pastor, ore por mim. Mas olha, eu sei que não tem mais solução… eu já sei o que vai acontecer mesmo…” – VOCE NÃO SABE NADA!!!

-O que voce tem que saber é que sempre quem dá a última palavra em nossas vidas é o SENHOR e não um profeta qualquer! …. e não importa o histórico que voce tenha vivido, o que já tenha acontecido ou a luta que voce esteja vivendo agora, pois todo querer e efetuar estão nas mãos de DEUS, que é todo-poderoso!!!

-Diz o texto bíblico que ELISEU, o profeta de DEUS, mandou chamar um músico e, quando a música começou a tocar, o Espírito de Deus o tomou e ele profetizou!
-Esta parte do texto me deixa intrigado: o poder da música é uma ferramenta que levou Eliseu a receber o poder de Deus! – Diz o texto: “E enquanto o músico tocava o instrumento, veio a Eliseu a mensagem do Senhor”.

-(Tim Lahaye – Por que agimos como agimos? Editora Press Abba). Diz: – “Você age de acordo com aquilo que você é emocionalmente. … Somos criaturas tão emocionais que as nossas emoções podem influenciar cada área de nossas vidas – para melhor ou para pior”.

-Ou seja a EMOÇÃO: é um estado mental caracterizado por intenso sentimento. Em outras palavras, Emoção é o poder do sentimento mental. – Visto ser o homem um ser intrincado e complexo, havendo interações entre sua mente e seu corpo físico, AS EMOÇÕES, naturalmente participam de ambos os aspectos. (Não há como explicar um grande amor, somente com base no cérebro ou na mente. Tem que haver emoção!)

-Não temos como tirar a “EMOÇÃO” de dentro de nós!!! E quando estamos no “CULTO” louvando e adorando, a emoção tem que necessariamente fazer parte da celebração!!! – O Salmista louvava com o coração (com a emoção): “Eu te louvarei Senhor de todo o meu coração” – (Salmos 138:1).

-Portanto chore, clame, levante sua mão aos céus, aplauda ao Senhor, vivencie com intensidade e emoção os momentos de adoração cantada, porque na adoração DEUS trata o nosso coração! DEUS fala conosco, assim como o fez a ELISEU!

-E assim ELISEU, pelo poder do SENHOR, profetizou àqueles reis que fossem feitas várias covas, valetas… porque o Senhor as encheria com muita água e eles não haveriam de conhecer a derrota daquela batalha.

-E isso nos leva a um outro episódio no texto de II Crônicas 20:20… quando Josafá indo em direção a uma outra batalha, parou o povo e disse: “Escutem ó povo de Judá e Jerusalém: Creiam no Senhor seu Deus e voces terão sucesso! Creiam nos profetas de Deus e tudo sairá bem!”.
E o texto continua dizendo que: “Depois de consultar o chefe do povo, ele decidiu que haveria um coro para guiar a marcha, e os membros do coro vestidos com vestes sagradas iriam cantando, louvando e dando graças ao Senhor”.

-Ou seja, Josafá sabia que o homem que crê em Deus e nos seus profetas é prospero, porisso obedeceu a voz do profeta de Deus, deixando de lado, juntamente com o povo, as suas emoções, seus medos, suas ansiedades e a suas angustias!

-PORISSO, se voce, à semelhança de ELISEU, quer fazer a diferença neste mundo, mantenha o seu espírito sempre aberto ao mover do Espírito de Deus, para que a Sua plenitude o faça viver a realidade que a PALAVRA nos assegura em ISAIAS 11:2, que nos promete que repousará sobre nós o Espírito de Sabedoria, de Inteligência, de Conselho, de Fortaleza, de Conhecimento e de Temor ao Senhor…

-….porque nós não fomos chamados para viver uma vida medíocre. – E esta foi a realidade que aqueles três reis, poderosos e cheios de aparência, enxergaram em ELISEU: o poder do Espírito Santo de Deus em sua vida!

-PORTANTO AMADO IRMÃO se voce deseja ser a luz do mundo e o Sal da Terra, não fique esperando a morte chegar, mas erga a cabeça e levante-se para viver na direção do Espírito Santo de Deus, e na autoridade do nome poderoso de JESUS, o qual vai lhe dar inteligência, conhecimento e temor do Senhor!

- PORISSO, à luz destas considerações, adentramos este texto e podemos fazer dele um paralelo, dizendo que através da boca de ELISEU, DEUS ordenou que fosse ferido todo tipo de ligação com o velho homem, porque eram valorosas as coisas que deveriam ser destruídas. – Porisso, depois da batalha DEUS ordenou que fossem destruídas:


a) as cidades fortificadas
b) as principais cidades
c) as boas árvores
d) as fontes de água
-E aqui vamos desenvolver uma METÁFORA com estas palavras. METÁFORA: é a mudança do significado natural de uma palavra por outra, em virtude de certa relação de semelhança.

-Até porque quando DEUS pede para que destruíssem esses valores, DEUS estava dizendo que eles de fato teriam vitória sobre seus inimigos, e, que de maneira nenhuma deveriam fazer qualquer tipo de aliança com eles.

-Assim é que “metaforicamente” falando, hoje DEUS nos diz para destruirmos também tudo aquilo que o inimigo tem como referencia em nossa vida:

a) DESTRUIR AS CIDADES FORTIFICADAS, que espiritualmente podem significar as áreas de endurecimento em nossa mente, e que muitas vezes não permite que pensemos como DEUS pensa = são as cidades fortificadas!

- Precisamos entender, como vimos no domingo passado, que a nossa mente foi transformada pelo poder do sangue de JESUS, o qual desfez toda a complicação e paranóia, todo complexo e qualquer outro tipo de prisão mental de cada um de nós. – E assim ELE nos fez livres para viver uma vida de acordo com os pensamentos do Espírito de Deus! DESTRUA ESSAS FORTALEZAS!

b) DESTRUIR AS PRINCIPAIS CIDADES, que podem significar as dependências e habilitações espirituais, relacionadas ao passado e que muitas vezes deixam um ranço religioso que não traz liberdade de comunhão com o próprio Espírito de Deus.

-Até porque a Bíblia nos diz que JESUS já deixou tudo isso encravado na cruz do Calvário, bastando apenas que voce aprenda a se apossar dessa graça que ELE já lhe deu.
-Ou seja, a liberdade de buscar a presença do Espírito de Deus, orando e buscando em todo o tempo, com essa plena liberdade que ELE nos dá, e, que com certeza irá nos guiar em todos os seus caminhos.

c) DESTRUIR AS BOAS ÁRVORES, que podem significar cortar todo prato de lentilha que nos é oferecido em troca da benção real do Senhor. Precisamos tomar cuidado com as ofertas que nos são feitas! – Porque muitas dessas ofertas podem ser os pratos que Satanás nos oferece e que vem sempre camuflados com uma aparência de formosura e beleza.

-DESTRUIR AS BOAS ÁRVORES! Há algum tempo atrás estivemos refletindo aqui sobre as podas que DEUS faz e naquela ocasião refletimos que DEUS corta também as partes vivas e produtivas da nossa vida Ele corta um negócio que está indo muito bem, um relacionamento agradável, um projeto aparentemente abençoado, enfim, DEUS corta aquilo que achamos que esta sendo frutíferos e nessa poda ficamos assustados e até mesmo frustrados com DEUS.

-Porisso, temos que estar conscientes de que toda boa dádiva e todo dom perfeito vem somente das mãos idôneas do SENHOR. – Assim é que voce precisa cortar hoje, todas as boas árvores que lhe tem sido oferecidas como um prato de lentilhas em lugar as bênçãos absolutas do Senhor!

d) CORTAR AS FONTES DE ÁGUA, ou seja, despreze todo tipo de influencias que o mundo quer canalizar para sua vida, as quais irão tira-lo do foco, do alvo e da meta que é servir ao Senhor com seus dons e talentos.

-Quando voce corta essas fontes de águas malignas, isso vai deixar espaço aberto somente para aquilo que o Espírito de Deus tem para nós, a fim de que realmente possamos viver uma vida cheia da plenitude e da abundancia das muitas águas que descem do trono de Deus para nos trazer sabedoria, inteligência, conhecimento e temor do Senhor.

-Caminhando para a conclusão, diz o texto que depois que aqueles reis fizeram o que o profeta de Deus lhes havia ordenado, aconteceu algo sobrenatural:

-… quando os Moabitas chegaram para destruir o povo de Israel, eles começaram a ver aquelas águas que antes não existiam, e que naquele momento desciam numa grande enxurrada, e pelo reflexo do sol, pareciam vermelhas como sangue, fazendo-os acreditar que verdadeiramente os judeus haviam se matado uns aos outros.
-E assim subiram depressa para apanhar o que tinha restado e quando chegaram ao acampamento, encontraram um povo vivo e cheio do poder de realização do Senhor, e diz o texto que o exército de Israel se levantou e atacou com fúria os Moabitas, matando e destruindo a muitos, dando o Senhor naquele momento, a vitória ao povo que fora fiél às suas orientações!

-Eu quero encerrar minha palavra dizendo que também, da mesma forma, o sangue de JESUS, vermelho e poderoso, nos dá hoje e para sempre a vitória sobre todos os nossos pecados, nossas dificuldades, nossas angustias, nossas incertezas…

-HINO: “Cristo em minha vida…”

www.ilustrar.com.br

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS