Os desafios da grande comissão para hoje

Quem já teve um encontro com Cristo tem agora o privilégio de compartilhar as suas bênçãos com quem ainda não teve. Cristianismo é a religião para o outro e sem a nossa participação nesse processo o cristianismo deixa de ser relevante.

Porque Jesus tem toda a autoridade e porque ele rei no reino de Deus os discípulos precisam levar adiante a missão de ensinar sobre o reino.

O mundo de hoje é propício para repartirmos Cristo pois as pessoas estão buscando o significado para a vida e Cristo é o significado último para a vida de qualquer pessoa.

Transição

Ler Mateus 28.18-20

O texto começa com uma afirmação bastante arrojada: Todo o poder me foi dado.

– poder de escolha, liberdade de fazer o quer

– poder físico e mental

– poder de autoridade (influenciar) e direito (privilégio)

– poder de ordenar, governar (poder daquele cuja vontade e comando serão expostos para que sejam obedecidos).

– poder universal

– poder real

Me foi dado

– Foi apontado

No céu e na terra

– Fala da abrangência desse poder. A universalidade da autoridade. Nada escapa da sua influência. Essa declaração é o fundamento de tudo o que Cristo pede para a igreja, sem ela, nada faz sentido.

Portanto

Essa conjunção indica que o que se segue é uma necessidade. É uma confirmação, uma continuidade.

Por isso, IDE…

– não está no imperativo

– não é: Portanto IDE, mas portanto, INDO.

– A principal característica do gerúndio é que ele indica uma ação contínua, que está, esteve ou estará em andamento, ou seja, um processo verbal não finalizado.

“Ao você ir”, “no seu caminho”. Implica que não precisa cruzar barreiras culturais para cumprir a comissão.

Tendo visto a base da grande comissão, veremos três aspectos que podem nos ajudar na nossa missão enquanto estivermos nesse mundo.

  1. Fazer discípulos

A ordem começa com uma clareza impressionante. Não diz para fazer convertidos, mas fazer discípulos. É um estágio além da conversão que envolve a mente, o coração e a vontade.

Se tornar aluno de alguém, seguir seus preceitos e instruções.

Raiz da palavra: aprendiz, pupilo, discípulo.

Onde encontramos os futuros discípulos: em todas as etnias. Tribos, nações, grupos de pessoas, indivíduos, pagãos, etc.

Nos dias atuais, em que lugar você encontra os futuros discípulos de Jesus Cristo? Comece com os lugares mais perto de você: casa, escola, emprego, família, etc.

  1. Batizar discípulos

O ato simbólico da passagem de um estado para outro por meio do uso da água.

– Para João Calvino os sacramentos são sinais de certeza que servem para confirmar e fortalecer a nossa fé.

– Ainda, significa a nossa união com Cristo e a nossa adoção na família de Deus.

“Um sinal externo, através da qual o Senhor sela em nossas consciências as suas promessas de boa vontade em relação a nós, a fim de sustentar a fraqueza de nossa fé, e assim nós devemos testemunhar a nossa piedade para com Deus, diante dos anjos e diante dos homens”.

A Trindade toda está envolvida no ato do batismo.

Batismo é então o aviso a todos que agora não estamos mais debaixo do poder das trevas, mas sim debaixo do poder da luz de Cristo. Consequentemente, andamos nessa luz. É um sacramento, da palavra sacro – separado como sagrado.

Batismo é ainda e bem importante, a inclusão do outro em nosso meio, em nossa família. “A igreja é uma escola de aprendizes em vários estágios de desenvolvimento e não pode ser dividida entre os batizados e o que estão chegando” R.T. France

  1. Ensinar discípulos

Ser um professor

Compartilhar instrução, doutrinar

Explicar, expor um assunto

O correto é o sentido de ENSINANDO.

Ensinar significa:

– Atentar cuidadosamente a, guardar, manter uma coisa no mesmo estado original, observar

Ensinar o quê? – Todas as coisas, comando a ser executado. Esse ensino é toda a vida, processo contínuo.

Se o processo de ensino não for realizado na igreja por meio dos velhos discípulos de Jesus, a corrente de aprendizado é rompida. O cristianismo perde a sua força.

Conclusão:

A quem foi dada a grande comissão? Aos discípulos que dias antes haviam abandonado a missão de Jesus cada um para um lado.

A comissão hoje também é dada a pessoas imperfeitas, mas debaixo do poder de Jesus elas poderão levar adiante a missão, assim como eles fizeram.

O texto termina com uma promessa: Ele está conosco até o fim do mundo e por toda a eternidade.

Antonio Carlos Barro

veja ilustrações para seu sermão.

Compartilhe a BençãoEmail this to someoneShare on Google+Print this pageTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

Comentários

comments

Contribua com sua opinião