Simplesmente Maria

Quem é Maria hoje para os evangélicos? Analisemos a vida de Maria e extraíamos lições preciosas para as nossas vidas e vejamos as implicações de sua vida e testemunho para o cristianismo moderno.

O QUE MARIA NÃO É

  1. Maria não é a mãe de Deus
  • Após os Concílios de Eféso (431 e 449) e Calcedônia (451), começou a ser chamada de Theotokos, que geralmente é traduzido como a mãe de Deus. Todavia, o sentido mais próprio ao vocábulo é que ela é aquela que deu à luz Àquele que era Deus, mas ela não era a fonte da sua deidade.
  • Maria não é a mãe de Deus pela simples razão de que Deus não tem uma origem humana. No Gênesis nós não lemos: “No princípio criou Maria os céus e a terra”.
  1. Maria não é a intercessora
  • É totalmente desconhecido o fato de fazer orações a Maria antes do Concílio de Nicéia (325).
  • Após Calcedônia, teve início uma devoção popular com canções, poesias, artes e com festivais. Maria foi se tornando cada vez mais a intercessora.
  1. Maria não é santa
  • Em 1439, foi concedido a ela a graça especial de não ter pecados. Em 1854 foi declarado a sua imaculada conceição. De acordo com este ensino. Jesus recebeu a sua natureza sem pecado por causa de Maria. Finalmente em 1950, através de definição papal, foi declarado que ela subiu aos céus.
  • Certamente, que sendo uma salva por Cristo, conforme ela mesmo declarou, ela foi para o céu.

O QUE MARIA É

  1. Maria é a mãe de Jesus Cristo
  • Ela foi escolhida pelo próprio Deus para esta missão. O anjo disse: “Salve, agraciada! O Senhor é contigo. Bendita es tu entre as mulheres”.
  • Ela é quem cuida dele, levando ao Egito para fugir de Herodes; indo morar em Nazaré; acompanha Jesus as templo por duas vezes; está presente no início do seu ministério em Caná da Galiléia e ao pé da cruz do momento da sua morte.
  1. Maria é santa
  • Santa porque foi escolhida por Deus e separada por Deus para esta missão.
  1. Maria é serva do Altíssimo
  • “Eu sou a serva do Senhor”.
  • No seu cântico afirma: “olhou para a humildade da sua serva”.
  1. Maria é a Bem-Aventurada
  • “Bendita és tu entre as mulheres”.
  • “Desde agora todas as gerações me chamarão bem-aventurada”.
  1. Maria é pecadora
  • “meu espírito se alegra em Deus meu Salvador”.

O QUE MARIA NOS ENSINA HOJE

  1. Maria ensina o valor da obediência
  • Deus é soberano e sabe o que está fazendo
  1. Maria ensina o valor da dependência
  • Deus é soberano e me protegerá do mal
  1. Maria ensina o valor da preeminência de Cristo
  • “Fazei tudo o que ele vos disser”.

Conclusão:

Maria é para nós um modelo de vida íntegra e de vida humilde.

Deus é o seu Salvador e Soberano Senhor de sua vida.

Antonio Carlos Barro

Compartilhe a BençãoEmail this to someoneShare on Google+Print this pageTweet about this on TwitterShare on FacebookShare on LinkedIn

Comentários

comments

Contribua com sua opinião