Cuidado com este hacker!

Há cerca de 5 mil anos um Hacker chamado Lúcifer iniciou a disseminação de vírus mortal chamado Pecado.


Ele desafia o Criador do Sistema da Vida Universal.


Caso você abra os seus e-mail’s (apelos), ele entra, destrói totalmente o seu HD (coração), acabando assim com todos os seus arquivos (nobres sentimentos).


Ele normalmente se apresenta como bonzinho, te oferecendo:


– “prazer a qualquer preço”,
– “soluções rápidas”
– “fim de sofrimentos”
– “dinheiro (poder) fácil”
– “paz momentânea”
– “salvação por conta própria” … e coisas desse tipo.


Portanto, se você receber e-mail’s (virtuais ou não) com os seguintes chamados:


– “não ligue pra Deus”
– “seja desonesto”
– “acabe com seu próximo”
– “deixe sua mulher”
– “aceite (ou ofereça) suborno”
– “sonegue impostos”
– “traia seu cônjuge”
– “trate mal teus filhos”
– “ignore teus pais”
– “sexo sem casamento (e fora dele)”
– “use drogas”
– “roube”… ou coisas parecidas, CUIDADO! NÃO SE ABRA A ESTES APELOS!


Eles destroem famílias, roubam a paz, deixam as pessoas na miséria espiritual, e as empurram para o sofrimento eterno (Inferno).


O MAIS IMPORTANTE: Há mais de 2 mil anos, o Criador do Sistema já criou um ANTI-VÍRUS TOTALMENTE EFICAZ contra o vírus do pecado: JESUS CRISTO!


Você pode receber um download agora, gratuitamente, desta vacina.


É Speed! Basta arrepender-se dos momentos em que você se abriu aos e-mail’s malignos, pensar no Criador (Deus), e com fé dizer:


“Deus, eu fui contaminado, estou com meu sistema de vida quase todo destruído; minha esperança quase toda se acabou, mas neste momento eu creio que Tu és poderoso para restaurar meu coração, meus sentimentos, e minha fé.


Toma minha vida, perdoa os meus pecados.


Eu recebo Jesus como meu único Senhor e Salvador. Amém.”


Isto é apenas o início da restauração.


Procure, o mais rápido possível, uma Assistência Técnica (Igreja) mais próxima de sua casa e peça ajuda de um técnico (filho de Deus).

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião