O poder do silêncio

Terça- Feira, dia 23 deste mês de março ás 5:55 da manhã, recebi um telefonema que não gostaria de ter recebido nunca. Minha esposa me ligou no hotel em que estava participando de um encontro para pastores para me noticiar que minha mãe havia falecido. Vítima de um câncer agressivo no pulmão, proveniente do cigarro, minha mãe fez um óbito quase que clamando por oxigênio e não encontrou.
Creio, que com a vida que levou na Igreja por uns 2 anos, suponho que esteja na glória desfrutando das belezas que o Senhor nos promete.
O problema não é para ela mas para nós, filhos e marido, que ficamos na dor da saudade e no poder do silêncio.
Esse poder que quando clamamos, choramos e gritamos, ele, o silêncio, não nos responde, não nos socorre e nem sequer balbucia uma palavra para nos confortar.
O silêncio é o maior dos problemas! Ele nos aflige bem devagar e bem discreto e quando o percebemos já estamos fazendo uma depressão.
As vezes reclamamos do barulho que algumas vidas fazem, mas não reclame, pois o silêncio faz um barulho maior ainda.
A noite, o dia e as tardes são recheadas de silêncio e mesmo sendo acompanhado do barulho da vida, o coração está em silêncio. Mesmo tendo pessoas por perto, não temos pessoas por dentro.
A dor do silêncio é muito cruel, pois a pessoa querida que se foi acionou o botão que liga o poder do silêncio que aflige e incomoda nossa alma.
Contudo, eu sei, que um choro pode durar toda uma noite, mas a alegria vem pela manhã, mas o problema é que uma noite pode durar anos, e a manhã pode durar dias, não importa, o que importa é que o silêncio de Deus nos conforta do silêncio da perda de uma pessoa tão querida e amada, que foi o de minha mãe, única e insubstituível, pois fazer o que ela fazia por nós, ninguém nunca fará.
Se você que está lendo este artigo tem mãe ou pai, cuide deles, passe o maior tempo que puder perto deles porque um dia eles não estarão mais aí e quando o poder do silêncio de suas vozes chegar, você estará um pouco mais firme para suportar.
Que Deus te abençoe e me console deste golpe!

Pastor Congregacional – SP
[email protected]
[email protected]

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião