Onde Deus quer que eu esteja

Na próxima vez em que parecer que “se levantou com o pé esquerdo”,
seus filhos demorando para se vestir, não lembrar onde deixou as chaves do carro, pegar todos os semáforos fechados no caminho do trabalho, não fique triste, não se irrite … não se sinta frustrado … louve a Deus … e agradeça, porque Ele está cuidando de você.
Logo após o 11 de setembro eu conversava com alguém que é chefe de segurança de uma empresa que tinha convidado os sobreviventes das empresas que foram dizimadas pelo ataque ao Twin Towers para compartilharem os escritórios. Com sua voz respeitosa ele me contou histórias destes sobreviventes e todas continham pequenos detalhes.
Como você deve saber, o chefe de uma empresa chegou tarde simplesmente, porque aquele dia era o primeiro em que seu filho foi ao jardim da infância.
Um outro estava vivo porque era seu dia de trazer rosquinhas.
Uma mulher atrasou-se porque o despertador não funcionou.
Outra porque ficou presa num congestionamento causado por um acidente.
Um outro havia perdido o ônibus.
Uma mulher teve que trocar de roupa porque derramou café e seu vestido.
Um outro teve dificuldade em fazer pegar o motor do carro.
Alguém teve que atender a uma ligação.
O filho de outro demorou-se para sair da cama.
Alguém não encontrava um táxi.
Muitas outras histórias … pequenos detalhes … contratempos …talvez, algum dia, sejam escritas num livro.
Aquele homem com quem eu conversava, estava vivo porque tinha vestido sapatos novos que lhe causaram uma bolha no pé e teve que parar numa farmácia para comprar atadura.
Hoje, quando pego um congestionamento de trânsito, perco um elevador, atendo uma ligação no momento de uma saída … pequenas coisas que me aborreciam, penso comigo … estou exatamente onde Deus quer que eu esteja neste momento.
Que Deus continue a abençoar você com todos estes pequenos aborrecimentos que o faça lembrar de seus propósitos.


 

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião