O crente verdadeiro

INTRODUÇÃO: O que é de fato ser um crente autêntico? Pelo menos três coisas, nós encontramos no texto lido, que fazem de alguém, um crente verdadeiro. “VEJAMOS QUAIS SÃO OS ASPECTOS DE UM CRENTE AUTÊNTICO”:

I – UM CRENTE AUTÊNTICO, NÃO VIVE EM ESTADO DE FRAQUEZA (PECADO) CONSTANTE

1. Os Coríntios, conviviam com a prática constante do pecado, Vs. 2; II Co 12.20-21:

a. Paulo promete disciplina severa, “Não vos pouparei”.

b. Tencionava levar os ofensores ao tribunal da Igreja, II Co 13.1; Dt 19.5.

c. Contudo, haveria afrouxamento na disciplina em caso de mudança de atitude dos ofensores, Vs. 10.

2. Na prática do pecado, eles estavam desprezando a autoridade apostólica de Paulo, Vs. 3:

a. Paulo já havia exposto as provas de seu apostolado, II Co 11.22sess.

b. Fora um apóstolo de sinais, II Co 12.12.

3. Só podemos vencer o pecado pelo poder de Cristo em nós, II Co 13.3-4. Em um pode provado:

a. Pelos sinais operados entre eles, “É poderoso entre vós”, Vs. 3.

b. Pela certeza de sua ressurreição, “Cristo vive..”, Vs. 4.

c. Pela combinação de fraqueza e poder, Vs. 4. Paulo também, II Co 12.9-10.

4. Só podemos derrotar o pecado pelo poder de Cristo em nós.

II – UM CRENTE AUTÊNTICO, NÃO SOBREVIVE SEM AUTO EXAME

1. A questão: Eram de fato crentes?, Vs. 5.

2. Uma vida cristão autêntica apresenta resultados positivos, Mt 7.15-20.

3. O auto exame mostra quem somos realmente. Muitos se escondem atrás de um credo religioso, e ficam de certa forma “acomodados”.

4. A frase, “Se é que já não estais reprovados”, teria a ver com genuinidade dos metais e descreve o caráter genuíno de nossa relação com Cristo.

5. O crente autêntico, deve ser aprovado diante de Cristo, Vs. 6. Muito embora, pelos homens, às vezes somos reprovados, Vs. 7.

6. Vamos proceder a um auto exame de nossas vidas nesta noite.

III – UM CRENTE AUTÊNTICO, NÃO SOBREVIVE SEM RELACIONAMENTO ENTRE OS IRMÃOS, QUE PODE SER MEDIDO PELOS SEGUINTES FATOS:

1. Alegria entre irmãos, “Alegrai-vos”. Em toda situação, Vs. 11.

2. Ideal de perfeição, “Sede perfeitos”. Correção de males, Vs. 11.

3. Consolação mútua, “Consolai-vos”. Ajuda nas dificuldades, Vs. 11.

4. Unidade de pensamento, “Sede de um mesmo parecer”. Isto é, sem partidarismo, com respeito ao irmão, Vs. 11.

5. Paz, “Vivei em paz”. Ausência de conflitos, guerras, Vs. 11.

6. Aprovação de Deus, “E Deus de paz e amor será convosco”, Vs. 11.

7. Saudação comunitária, Vs. 12.

CONCLUSÃO:

1. Como te sido sua vida cristã? Tem sido de derrotas e pecado?

2. Vamos fazer um auto exame:

a. Abandonando o pecado.

b. Cultivar vida comum entre os irmãos.

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião