A força que mantém um casamento

O gesto de Cafu, ao levantar a Taça do Pentacampeonato do Brasil, na Copa do Mundo de 2002, nos lembra que o casamento precisa ser renovado com declarações tremendas, diante de multidões, como foi aquele grito de Cafu: “Regina, eu te amo!”.

1. O amor é algo enigmático – Pv 30.18,19: “Há três coisas que são maravilhosas demais para mim, sim, há quatro que não entendo: o caminho da águia no céu, o caminho da cobra na penha, o caminho do navio no meio do mar e o caminho do homem com uma donzela”.

2. O que mais podemos dizer de um casamento que dá a longevidade a um casamento?

I. É SACRIFICIAL – 1 CO 13.4-10:
1 Co 13.4-10: Quem ama é paciente e bondoso. Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso. Quem ama não é grosseiro nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas. Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo. Quem ama nunca desiste, porém suporta tudo com fé, esperança e paciência. O amor é eterno.

II. EXIGE EXCLUSIVIDADECt 2.2,3: “Qual o lírio entre os espinhos, tal é a minha querida entre as donzelas. Qual a macieira entre as árvores do bosque, tal é o meu amado entre os jovens; desejo muito a sua sombra e debaixo dela me assento, e o seu fruto é doce ao meu paladar”.

III. DÁ SENTIDO À VIDA

1) 1 Co 13.1,2: “…se não tiver amor, nada serei…”

2) Carlos Drumond de Andrade:
Além da terra, além do céu, / No trampolim do sem-fim das estrelas / No rastro dos astros, / Na magnólia das nebulosas. / Além, muito além do sistema solar, / Até onde alcançam o pensamento e coração, vamos! / Vamos conjugar / O verbo fundamental, essencial, / O verbo transcendente, acima das gramáticas. / E do medo e da moeda e da política, / O verbo AMAR/ Razão de ser e de viver. (CDA)

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião