Lar, doce lar

Introdução
1) “Lar, Doce Lar”:
· Retrata a realidade daquela casa?
· Expressa um ardente desejo?

2) Seja como for este adágio popular nos leva a reflexões profundas, pois um
“Lar, Doce Lar”:
· Local agradável
· Local aconchegante
· Local atraente

3) A própria palavra “Lar” conota
· Acolhimento
· Conforto
· Segurança
· Encorajamento

4) Quem não deseja um ambiente assim?

5) O Salmo 128 nos apresenta algumas particularidades do “Lar, Doce Lar”

Exposição

O Lar, Doce Lar é aquele onde há:
I) Vida Com Deus – V.1

1) Todos os membros da família estão na presença do Senhor

2) É interessante notar como o texto se apresenta: “Bem aventurado aquele que …”
· A expressão “aquele que” denota constância. Literalmente: “Bem aventurado aquele que constantemente teme ao Senhor e, constantemente, anda nos seus caminhos”

3) Um lar que tem Vida Com Deus é inconfundível
3.1) Ali Prevalece a Valorização à Palavra
· Por valorizar, a buscam insistentemente – “Como eu amo a tua Lei! Medito nela o dia inteiro”
· A buscam e a retem no coração para transforma-la em prática

3.2) As Atitudes São Permeadas Pela Oração
· A oração é uma prática vivenciada todos os dias

3.3) Os Membros Empenham-se na Promoção do Reino de Deus – Evangelização · Preocupam-se em transmitir o evangelho

3.4) O Lar Prestigia a Vida Comunitária – Igreja
· A vida comunitária na igreja torna-se indispensável
· É na comunhão dos irmãos que a família encontra ocasião para edificar e ser edificada

3.5) Todos se Dedicam à Santificação
· Procuram, na dependência do Espírito, não satisfazer as paixões que tinham antes de pertencer a Deus
· “Vivam pelo Espírito, e de modo nenhum satisfarão os desejos da carne”Gl 5.16

4) O Lar, Doce Lar pertence ao Senhor e demonstra isso todos os dias

O Lar, Doce Lar é aquele que:
II) Sustenta-Se Com Honestidade – V.2

1) O Brasil é considerado o país do “jeitinho”, da “falcatrua”

2) Muitos lares são mantidos (enriquecidos) por meio de “jeitinhos”, “mentiras”, “tapeações”
· Até aqueles que nos deveriam servir de exemplo deixam a desejar com seus escândalos e corrupções

3) O texto diz: “Do trabalho de tuas mãos comerás…”
# Destacar duas coisas:
1a) O trabalho é colocado como o provedor da família
· É com suor que se obtém a provisão para a família
· Com esforço e honestidade tudo é mais gostoso

2a) O fruto do trabalho é aplicado naquilo que é básico para a família
· Não se gasta com o que pode ser considerado dispensável
· A extravagância deve ser deixada de lado
· Não se deve ceder à sedução do consumismo exacerbado
· É preciso viver vida simples

4) Um lar que luta honestamente dia a dia para se sustentar é honrado no mundo e aprovado por Deus
· “O Senhor detesta os perversos de coração, mas os de conduta irrepreensível dão-lhe prazer. ” Pv 11.20

O Lar, Doce Lar é aquele onde há:
III) Uma Esposa Virtuosa – V.3a

1) A sabedoria popular diz que: “Ao lado de um grande homem há sempre uma grande mulher “
· A história comprova esta afirmação
· Eu digo que no interior de um Grande Lar há sempre uma Grande Mulher

2) O texto refere-se à esposa como “videira frutífera” – mulher fértil
· No contexto hebraico, fertilidade era sinal da bênção de Deus
· A fertilidade da mulher contribuía para o equilíbrio do lar
· Uma casa onde a esposa não podia gerar filhos corria sérios riscos

3) Também podemos aplicar a expressão “videira frutífera” à produtividade e
dinamismo – virtudes tão necessárias para a estabilidade de qualquer lar

4) Em Pv 31.10-31 temos um retrato da Esposa Dinâmica e Produtiva, pintado pelo Rei Lemuel:
· Sabe administrar com perspicácia e lisura
· A preguiça está bem longe dela
· Acolhe o necessitado e favorece o pobre
· É precavida, pois prepara no verão o que a família precisa no inverno
· Não envergonha seu marido, ao contrário, o honra perante a sociedade
· É pedagoga por excelência – cria os filhos na disciplina do Senhor
· Sabe arrancar elogios do marido e filhos
· Muitas mulheres são exemplares, mas a esposa virtuosa supera a todas

5) Feliz é aquele que encontra uma mulher virtuosa
· Doce é o Lar que possui uma mulher desta índole
· Ela é mais valiosa do que os rubis

O Lar, Doce Lar é aquele no qual…
IV) Os Filhos Mantém-se Próximos aos Pais – V.3b

1) O texto apresenta duas expressões cujo significado é “ligação”, “união”:
1a) “Rebentos (brotos) da Oliveira”: Que estão ligados ao tronco principal –
dependem dele para sobreviver

2a) “À roda de tua mesa”:
· Mesa: Local central de uma casa – Onde a família se reúne para alimentação, instruções e orações
· Estar ao redor da mesa dos pais significa usufruir o sustento providenciado por eles
· Estar ao redor da mesa dos pais significa atenção aos seus ensinos
· Estar ao redor da mesa dos pais significa estar debaixo de sua mentoria espiritual

2) Os filhos que compreendem esta ligação e dependência dos pais contribuem para que a casa seja agradável

3) Até onde vai esta relação de ligação e dependência dos pais?
· Até os filhos deixarem a casa dos pais para constituírem os seus lares –
“Deixará o homem pai e mãe e se unirá à sua mulher e eles se tornarão uma só carne” Gn 2.24
· Ainda assim, sempre será válida a instrução, as orações e o pastoreio dos pais

Conclusão
1) “Lar, Doce Lar”
É verdadeiramente doce (agradável, aconchegante e atraente) o lar:
1. Onde há Vida Com Deus
2. Que se Sustenta Com Honestidade
3. Onde há Uma Esposa Virtuosa
4. No qual Os Filhos Mantêm-se Próximos aos Pais

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião