Onde está a sua esperança?

Hoje nos reunimos não para celebrar a morte, mas sim para celebrar a vida. A vida de ——– aqui na terra cessou, todavia, cremos que continua na eternidade ao lado de Cristo. Estamos tristes porque temos saudades, mas nos alegramos com a memória que deixou entre nós.

Onde está a sua esperança?

1. Precisamos ter consciência da nossa fragilidade.
O Salmo que lemos nos recorda essa verdade muitas vezes esquecida, especialmente se estamos com saúde ou somos jovens.
Existe um provérbio judaico que diz: Todos sabem que vamos morrer, mas ninguém quer acreditar nisso.
Isaías 64.6
Nada é tão certo como a morte, e nada é tão incerto quanto à hora da nossa morte.
As chances de morrer de um por um.
Para milhões de pessoas, todavia, cruzar esta porta é um terror. Eles não têm no que se agarrar para entrar na eternidade. Por isso, agonizam.

2. Nós precisamos saber onde está a nossa esperança
Alguns colocam na segurança das riquezas
Lucas 12.16-20
Alguns colocam na segurança das religiões ou igrejas
Alguns colocam na segurança das boas obras (Ef. 2.8-10)
Após a morte temos que cruzar aquela porta e aquelas pessoas que não possuem a verdadeira comunhão com Cristo não estarão com ele na eternidade.
Jesus nos espera no porvir. João 11.25-26
Assim, a morte do cristão é o início da vida na eternidade com Cristo.
Nesta hora de choro e luto, você precisa ter certeza que já entregou sua vida a Cristo, porque você também um dia estará num caixão como este e o que será de sua alma?

Conclusão
Hoje, exatamente hoje, Deus quer ter um encontro com você.

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião