Predestinação

Introdução:

Na Bíblia encontra-se dois termos semelhantes : Eleição e Predestinação. Podemos estabelecer uma distinção entre as duas palavras dizendo : Eleição refere-se ao decreto de Deus para salvar um número limitado de pecadores. . Predestinação refere-se ao propósito de Deus em relação à finalidade das pessoas deste mundo.

Todas as obras de Deus têm a sua devida finalidade: A Chuva vivifica a terra, as sementes das plantas servem de mantimento. E o homem não foge desta lei. Ele foi criado para ser um executor obediente da vontade de Deus.

As predestinações de Deus são as suas determinações quanto à finalidade das cousas criadas e são tão absolutas que jamais falharão . Têm a força da palavra que criou todas as coisas. “Disse Deus : Haja Luz; e houve Luz”Gn.1:3. “Jurou o Senhor dos Exércitos, dizendo: como pensei, assim sucederá, e como determinei, assim se efetuará “Is. 14:24. Veja também, Sl 33:10-11; Is. 14:27; 43:13; Dn. 4:35.

Quando estudamos qualquer uma das duas palavras, quer Eleição quer Predestinação, em vez de fazer uma exposição de um artigo que descobrimos num livro, devemos tomar caminho mais trabalhoso e fazer uma exposição do texto bíblico onde a palavra se encontra. A palavra “Predestinação” encontra-se apenas seis vezes no Novo Testamento, Rm. 8:29,30; Ef. 1:5,11; At. 4:28; 1Co. 2:7. Destacaremos três destas referências.

1. Predestinação na Área de Promoção. “E em amor nos predestinou para Ele (Cristo), para adoção de filhos” Ef 1: 4 – 5.

Os redimidos são mais do que servos, são promovidos pela adoção aos privilégios de filhos. Deus determinou que fosse feitos “co-herdeiros com Cristo” Rm. 8:17. Por que receberam esta promoção ? Foi segundo o beneplácito da vontade de Deus que, em sua bondade quis mostrar a riqueza da sua graça aos homens.

Qual é o efeito desta predestinação sobre a vida dos adotados ? Pelo Espirito Santo eles exprimem o clamor filial: Aba, Pai. Deus é reconhecido como seu Pai Celestial .

Acima de tudo, os adotados são filhos da obediência . Eles se esforçam para agir como verdadeiros filhos; amam a Deus, confiam em suas providência paternais e, pela leitura de Escrituras Sagradas e o uso da oração, mantêm comunhão espiritual com Ele.

Os que são predestinados para a adoção sempre têm as marcas dos filhos de Deus portanto, sem estes distintivos, não há nenhuma base para nutrir a esperança desta adoção e nem a da vida eterna.

2 . Predestinação na Área de Procedimento “Também os predestinou para serem conforme a imagem de seu Filho: Rm 8:29

Deus já determinou o padrão de procedimento para cada um de seus filhos adotados e este padrão é o seu próprio Filho, Jesus Cristo. Quanto à realidade desta predestinação na experiência do adotado, Cristo disse: “As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem” Jo. 10:27. E em outra referência é dito que devemos andar assim como Cristo andou 1Jo. 2:6 .

A vida de Cristo foi caracterizada por sua perfeita obediência à lei de Deus (Mt. 5:17), por sua submissão total à prática da vontade de seu Pai nos Céus. Os adotados não são diferentes (e nem pode ser), porque Deus já determinou a respeito do procedimento deles. O filho adotado está constantemente alinhando a sua vida com o padrào estabelecido por Jesus Cristo.

Os que são recebidos como filhos adotados são facilmente identificados por causa de sua conformidade à imagem de Jesus Cristo. E sem esta obediência, ninguém pode nutrir a esperança da vida eterna.

3 . Predestinação na Área de Propósitos. “Predestinados segundo o propósito…a fim de sermos para louvor de sua glória” Ef. 1:11-12.

Uma das glória de Deus é a soberania para predestinar e executar seus propósitos inescrutáveis. A glória de Deus foi reconhecida nas obras realizadas por Jesus Cristo e a sua glória continua sendo manifestada através das vidas transformadas de seus filhos adotados.

Como é possível que um pecador seja santo e irrepreensível em seu procedimento moral e espiritual ? Nós somos a evidência, e nisto, Deus é glorificado.

As predestinações de Deus são imutáveis, e cada uma há de cumprir-se .

Ele mesmo disse ao seu povo: ” Tu és o meu servo, és Israel por quem hei de ser glorificado Is. 49:3.

Os que são predestinados segundo os propósito de Deus dão glória a seu nome através de vidas regeneradas. Aqueles que não glorificam a Deus desta maneira não têm base para nutrir esperança da vida eterna .

Conclusão : Queremos reiterar a força da palavra
“Predestinação”.

Não é uma mera esperança indefinida. É uma palavra de ordem, quando Deus determina que um dado propósito há de cumprir-se “Eu, eu sou o Senhor, e fora de mim não há salvador . Eu anunciei salvação, realizei-a e a fiz ouvir;…agindo Eu, quem o impedirá? ” Is 43:11-13.

Esta palavra é especialmente importante para enfatizar a necessidade de certas realidades em nossas vidas, sem as quais, ninguém tem base para nutrir a esperança da vida eterna.

Se Deus tem predestinado alguém para a adoção de filho, isso será evidenciado através de atitudes filiais. Se Deus tem predestinado o procedimento de alguém, isso será evidenciado através de um vida santa e irrepreensível. Se Deus tem predestinado alguém para O glorificar, isso será evidenciado através de uma vida que reflete as operações de Deus.

Que cada um de nós tenhamos a coragem de examinar a realidade da nossa experiência cristã usando as Predestinações de Deus como norma de avaliação.

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião