Só-vidão x Só-lidão

Definindo a solidão…

• Companhia errada no pôr-do-sol
• Viver pondo o pé na água
• Sentir-se vulnerável
• Conviver com a discriminação
• Competir, competir, competir…
• Ter a sensação de que existe algo maior
Mitos e falsos pressupostos
• Mito nº 1
Se eu estiver contente e aceitando minha condição de estar só, Deus ainda me dará uma família
• Mito nº 2
Casamento é a recompensa por eu ser uma pessoa direita e fazer aquilo que é certo
• Mito nº 3
Se Deus quer que eu fique só, ele vai tirar o meu desejo de ter alguém
• Mito nº 4
Se Deus prometeu dar-nos os desejos do nosso coração, então quem tem esse desejo irá um dia casar-se
• Mito nº 5
Para cada um Deus já reservou alguém para ser marido (esposa)
• Mito nº 6
Se eu orar e pedir a Deus, ele mostrará se vou casar-me e com quem será
• Mito nº 7
A pessoa que vai ficar sozinha durante a vida toda, terá convicção de seu “chamado” para ser solteira
Propósito Maior da Vida
• Nele fomos escolhidos… predestinados… a fim de que sejamos para o louvor da sua glória (Ef 1.11-12)
Pôr a expectativa em Deus
• Descanse somente em Deus, ó minha alma; dele vem a minha esperança (Sl 62.5)
Aprender o “Sim, Senhor”
• Somos criação de Deus realizada em Cristo Jesus para fazermos boas obras, as quais Deus preparou (Ef 2.10)
Ajudar quem precisa
• Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo (Gl 6.2)
Passar o bastão
• Vão e façam discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei (Mt 28.19-20)
Como você está?
• Enrolado…?
• Andando em círculo…?
• A peça que falta…
Em Cristo habita corporalmente toda a plenitude da divindade, e, por estarem nele, vocês receberam a plenitude (Cl 2.9-10)
O que espera por você!
• A bandeirada final (Mt 25.21)

autor – Paulo Moreira Filho

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião