UM ALERTA QUE VEM DO PASSADO PARA AS FAMÍLIAS HOJE

I . INTRODUÇÃO

A. A Bíblia não é um livro parcial. Ela mostra os acertos e os erros do povo de Deus.
B. A família de Isaque e Rebeca, cujos filhos eram Esaú e Jacó, é uma destas famílias que não servem de modelos para nós. O episódio que vamos relatar serve de alerta para todos nós.
C. Calvino: “Esta história não tem grande utilidade.”

II. O DESEJO DE ISAQUE EM ABENÇOAR ESAÚ ( 1-4 )

A. Aparentemente não havia nada de errado neste propósito. Esaú era o filho mais velho e por herança tinha o direito de ser o primeiro a receber a bênção.
B. Isaque, porém, estava se esquecendo que:
1. Deus havia profetizado que o filho mais velho serviria o filho mais novo:
“Duas nações há no teu ventre, dois povos, nascidos de ti, se dividirão: um povo será mais forte que o outro, e o mais velho servirá o mais moço.” (25:23).
2. Que Esaú havia desprezado o seu direito de primogenitura. Ela havia sido vendida a Jacó ( 25:34 ).
C. O amor de Isaque ao seu filho Esaú era tanto que veio a cegar o entendimento da fé.
D. “Isaque amava a Esaú, porque saboreava da sua caça; Rebeca, porém, amava a Jacó” ( 25:28 ).

III. O PLANO DE REBECA EM TRANSFERIR A BÊNÇÃO PARA JACÓ ( 5-17 ).

A. Rebeca tinha uma consciência histórica de que a bênção deveria ser de Jacó e não de Esaú, conforme a profecia de Deus.
B. Quando os meios não justificam o fim.
1. Era parcial (como Isaque) no seu amor por Jacó.
2. Não confiou na profecia de Deus, não confiou que Ele era capaz de fazer cumprir o que prometera.
3. Usa da fraude e induz seu filho ao erro.
C. O que poderia ter feito Rebeca?
1. Lembrado Isaque das promessas de Deus.
2. Do acordo feito entre Esaú e Jacó.
3. Da desobediência de Esaú quando casou com mulheres estrangeiras
( Gn 26:34-35 ).

IV. O SUCESSO DE JACÓ EM OBTER A BÊNÇÃO ( 18-29 )

A. A mentira é rapidamente aprendida:
1. Sou Esaú, o teu primogênito
2. Fiz o que me ordenaste
3. Coma da minha caça, para que me abençoe.
B. Um abismo chama a outro abismo. Jacó começa a se atolar na mentira.
1. Quando perguntado como achou a caça tão depressa, ele responde:
“Porque o Senhor, teu Deus, a mandou ao meu encontro.”
2. Quando confrontado: “ És meu filho Esaú mesmo? Ele respondeu: Eu sou.”
C. Jacó também não crê que Deus é capaz de cumprir com as suas promessas, e finalmente, obtém a bênção através do engano e da fraude.

V. O ÓDIO DE ESAÚ DIANTE DO ENGANO ( 30-40)

A. Esaú buscava a bênção material e não se preocupava com a bênção espiritual.
B. No livro de Hebreus ( 12:16-17), Esaú é chamado de impuro e profano.
C. Nasce de Esaú o povo edomita. Inimigo de Israel.

VI. O FIM DE UMA TRISTE HISTÓRIA ( 41-46)

A. Passou Esaú a odiar Jacó e alimentar um desejo de matá-lo.
B. Rebeca continua a manobrar a vida dos outros.
1. Pede que Jacó faça uma viagem até que a ira de Esaú se aplaque.
2. Mente mais uma vez a Isaque quanto ao propósito da viagem de Jacó.
3. Rebeca não sabia, mas esta seria a última vez que veria seu filho predileto. Este “alguns dias” durou vinte anos.
C. Isaque continua a castigar os seus pais com a sua desobediência ( 28:1-9)

VII. LIÇÕES QUE DEVEREMOS APRENDER COM ESTA TRISTE HISTÓRIA

A. O casal deve ter respeito um pelo outro e resolver os seus problemas através do diálogo e não através de meios fraudulentos.

B. O casal não deve envolver os filhos para resolver os seus problemas de desavenças.

C. Os pais devem devotar aos filhos o mesmo amor e carinho. A parcialidade é prejudicial e produz distúrbios de todas as ordens e por muitos anos.

D. Aquilo que nós semeamos na nossa família, nós iremos ceifar. Se semearmos:
– mentira, colheremos a mentira
– ódio
– inveja
– amor parcial

E. Nossa família deve estar debaixo da vontade de Deus e todos os membros da família devem estar conscientes disso. Devemos crer que o que Deus promete ele cumpre.

F. Façamos um teste:
– Pais: Vocês gostariam que as famílias dos seus filhos fossem iguais a sua?
– Filhos: Vocês gostariam que as suas famílias fossem iguais a família dos seus pais?

G. Deus, apesar dos nossos erros e fracassos, nos dá oportunidades de colocar as nossas famílias para o seu serviço e para a sua glória. Da família de Isaque, Jacó, vem a nascer o Salvador da humanidade.

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião