Uma oração sábia ao Deus eterno.

Oramos sabiamente ao invocarmos o Senhor nosso Deus para lhe pedir sua graça e sua confirmação as nossas necessidades.
É bem verdade que podemos orar de muitas maneiras e tratar assuntos variados.
O propósito não é apresentar nessa mensagem um novo modelo de oração.Recorro sim, ao texto bíblico e a experiência dos servos de Deus. Busco orientação adequada para enriquecer nosso relacionamento com Deus. Evidentemente nosso crescimento na fé. Destaco dos temas fundamentais: a graça de Deus para nossa vida e sua confirmação para nossas obras. O exemplo de Moisés, que se tornou conhecido como homem de Deus. Este servo orou pedindo estas duas bênçãos. (cf. Sl. 90.17).

1. A Graça do Senhor Deus:

Há entre nós alguém que viva em isolamento absoluto? Creio que não. Temos sempre alguém ao nosso lado. Que se preocupa conosco. Podemos até não perceber. Não estou falando do Senhor. Refiro-me a um familiar, um amigo, um colega, um companheiro de trabalho ou de estudo e um irmão na fé. Alguém que esteja uma parte do seu tempo conosco. Quer até uma pessoa que conhecemos apenas por nome ou de vista.
Ao orarmos para o Senhor nosso Deus é importante lembrar-se de pessoas que nos rodeiam. Pedir a graça de Deus tão somente para mim seria egoísmo. Devo pedi-la para nós: para mim e para os outros. O Senhor age, não detém a sua mão para conosco. Ele quer nos abençoar constantemente derramando “sobre nós a sua graça”. Veja não é somente sobre mim ou você. É sobre nós. A graça do Deus Eterno tem início em nossas vidas antes mesmos da experiência pessoal da Salvação. É pela graça de Deus em Cristo Jesus que somos salvos e recebemos a vida eterna. Em muitas ocasiões, ao orarmos recebemos como resposta divina: “Minha graça de Basta”. Sim, sobre todas as coisas ela permanece vitoriosa. Proporcionando força, animo e vivificando.
Sugiro aos irmãos que orem ao Deus eterno o quanto mais possível e no plural. Que em suas orações ninguém escapa da graça do Senhor nosso Deus. O resultado das orações feitas assim é mais graça sobre nossas vidas, bênção e bênçãos.
Pense bem. Se teu esposo ou esposa, filhos, pais, tios, amigos, colegas… Recebem a graça de Deus, por meio deles, você também será abençoado.
Vamos ver um exemplo disto na vida de Moisés: Ex.18 Moisés necessita de auxílio para julgar o povo. O auxílio veio pela orientação de seu sogro. Isto irmãos é também graça de Deus.
A graça do Senhor nosso Deus é importantíssima para nosso viver. Entrementes, além da graça do Senhor nós carecemos da sua confirmação para as obras das nossas mãos.

2. A confirmação do Deus Eterno.

Leia Atos 5.34-40. Este texto ilustra bem o assunto que comentaremos aos irmãos. Quando temos a confirmação do Senhor para as obras de nossas mãos sua benção também é confirmada s/ nós. Ela é a garantia do resultado que iremos obter.
No que quer que seja ou no quer que façamos se temos a confirmação divina, estaremos seguros e alegres. A certeza que nos invade o coração assegura nosso êxito por onde andarmos… Os resultados é que nossa obra permanecerá. Portanto a oração deve ser o ponto de partida das obras de nossas mãos.
Buscar a confirmação de Deus é buscar a vitória.

Conclusão:

Já ouvi falar de muitos pecados que bloqueiam ou mesmo interrompem nossa comunhão com Deus, o mais famoso é o orgulho, sempre acompanhado pelo egoísmo. Mas há outros e tenho aprendido que a paciência é uma virtude que estando ausente, nos separam por vezes da vontade de Deus, seus propósitos. Seja, por causa da nossa impaciência, agimos enumeras vezes de maneira precipitada. Indo, então em sentido contrario ao que Deus tem preparado para nós. O resultado é a perda da benção. Ore e aja sob a direção de nosso Pai, no amor de Cristo e guiado pelo Santo Espírito.

Ismael Machado Correia

Compartilhe a BençãoEmail this to someone
email
Print this page
Print
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on Facebook
Facebook
Share on LinkedIn
Linkedin

Comentários

comments

Contribua com sua opinião